Audaces - Improve your design

Design de moda com foco em resultados para seu negócio

Ícone de Pesquisa

10/12/2019

Vantagens de trabalhar com a ficha técnica de moda integrada

Peça indispensável em qualquer trabalho profissional de confecção, a ficha técnica de moda contém informações que determinarão o andamento de todas as etapas produtivas. Ou seja, ela traz todas as informações úteis para a produção de ponta a ponta. Quanto mais completo, descritivo e livre de erros for esse documento, maiores as chances de as peças de uma coleção serem fabricadas em plena concordância com o que foi planejado do ponto de vista criativo, comercial e financeiro.

Falamos aqui de um item muito importante para a integração e a fluidez dos processos de fabricação e que, se elaborado e transmitido da maneira correta, trará muita eficiência para as operações do seu negócio. O papel que a ficha técnica de moda desempenha na comunicação entre diferentes setores da empresa não pode ser ignorado se o objetivo é construir uma confecção mais rentável, com mínimo retrabalho e excelência em performance. Confira, a seguir, mais sobre esse assunto e veja como integrar a ficha técnica de moda.

Como funciona a integração da ficha técnica de moda

É a partir da ficha técnica de moda que muitas decisões importantes são tomadas dentro de uma confecção. Com as informações nela contidas, os setores de planejamento e controle verificam os insumos necessários à produção e estabelecem os pedidos de compra de tecidos, aviamentos e outros materiais, por exemplo. 

Após se antecipar ao trabalho das máquinas, ao uso da matéria-prima, verificar o tempo e o pessoal necessário e calcular todas as despesas envolvidas, o departamento comercial também tem melhores condições de estipular um preço de venda competitivo para cada peça. É com esse objetivo, por exemplo, que o descritivo técnico de um produto circula em uma organização.

Muitas empresas, frente às exigências do mercado competitivo e à necessidade de reduzir custos de produção, investem em tecnologias que facilitam a integração da ficha técnica de moda, como é o caso de processos automatizados que aceleram a compilação de informações e garantem o ágil compartilhamento de arquivos digitais entre as equipes envolvidas em cada projeto. Esses sistemas também tornam a visualização do pré-custo algo simples de ser obtido já na etapa de criação.

O grande benefício dessa digitalização está no aperfeiçoamento do fluxo industrial graças a uma comunicação assertiva e sem ruídos entre cada elo da cadeia produtiva. Entre os efeitos práticos da ficha técnica de moda integrada está uma comunicação mais clara, objetiva e documentada entre estilistas e modelistas.

Equipes de criação e de desenvolvimento estão em permanente contato no dia a dia da produção de moda. Dos profissionais envolvidos nestas etapas é exigido um trabalho sinérgico no lançamento de novas coleções produzidas em ampla escala. Por isso que quem atua nessa área se beneficia com documentos seguros, livres de falhas humanas e que, ao mesmo tempo, possam ser facilmente atualizados ou modificados conforme o avanço da produção. Isso pode ser encontrado em uma ficha técnica de moda automatizada e integrada.  

Acessando uma ficha técnica integrada, o modelista encontrará o desenho técnico de fácil interpretação, com frente, costas e lateral do produto, instruções de execução, orientações para corte e costura e outras observações. Erros na transmissão dessas informações causam problemas no processo produtivo que podem resultar em retrabalho, desperdício e atrasos, o que traz impactos na receita da empresa.

Como a integração da ficha técnica de moda pode beneficiar sua empresa

No momento em que sua confecção caminha rumo à automação e à integração de processos e etapas produtivas, ela diminui também a incidência de imprevistos e custos não calculados no seu planejamento. 

Em resumo, com a integração da ficha técnica de moda e de todas as etapas produtivas, sua empresa torna-se mais econômica, sustentável e lucrativa, já que reduzirá ou até mesmo eliminará fatores prejudiciais à rentabilidade do negócio e que corroem as suas margens de lucro. 

Confira alguns exemplos de como isso ocorre na prática:

– O cálculo preciso do que será necessário à produção evita problemas de falta de matéria-prima e minimiza o acúmulo de estoque parado quando a aquisição de insumos excede o necessário;

– Um croqui mal detalhado que chega à equipe de modelagem pode comprometer todo um período produtivo e provocar desperdícios de tempo, materiais e custos de confecção. A ficha técnica automatizada evita tais situações de retrabalho;

– A ficha técnica dentro de um sistema integrado já antecipa o pré-custo de produção das coleções e evidencia, na etapa inicial de produção, se elas se encontram ou não adequadas ao orçamento da empresa. Assim, é possível verificar a viabilidade comercial das peças antes mesmo de desenvolvê-las.  

A ficha técnica de moda, integrada conforme o conceito da Indústria 4.0, pode ser construída simultaneamente ao desenho técnico. Com o auxílio de sistemas como o Audaces Idea, incluído na multissolução Audaces 360, estilistas podem cadastrar os mais variados itens necessários à fabricação do vestuário dentro de um banco de dados no computador, bem como seus custos, fornecedores, quantidade em estoque, etc.   

Após o cadastramento dos itens, o profissional da moda pode se concentrar na criação — ao mesmo tempo que desenha, o sistema da Audaces cria a ficha técnica e informa automaticamente tudo que será necessário para produzir as coleções. 

Além de facilitar a criação de novos modelos, a ferramenta digital também contém uma biblioteca com arquivos que podem ser reutilizados ou reformulados para novos projetos.

Por fim, a digitalização dos processos substitui papelada e grandes arquivos físicos por sistemas que facilitam a comunicação entre os profissionais de moda e garantem um acesso mais seguro e rápido às informações de cada nova coleção. 

E não apenas isso: uma ficha técnica integrada pode ser acessada, por exemplo, por dispositivos móveis pelos gestores do projeto. Com isso, o controle e uma possível intervenção nos processos produtivos podem ser feitos de forma rápida, simples e em tempo real, evitando gargalos na produção de moda.

 

Deixe um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


Você também pode gostar de ler:

31/12/2019

Gradação: exemplos de como a tecnologia pode ajudar nesse trabalho

Escrito por Audaces

26/12/2019

Enfestos: 3 tecnologias para obter alto desempenho e qualidade

Escrito por Audaces

24/12/2019

Como conseguir maior velocidade no corte de tecidos

Escrito por Audaces