Audaces - Improve your design

Design de moda com foco em resultados para seu negócio

17/10/2014

Tamanho Plus Size: uma necessidade de mercado

Por Solange Maldonado
Estilista e Diretora da Escola de Moda Solange Maldonado

Há anos, venho orientando meus alunos a criarem moda para tamanhos maiores – tamanho plus size. Vemos no dia a dia que nas lojas os tamanhos estão em desacordo com a realidade da mulher brasileira. Número maior não é moda para senhora e sim para mulheres jovens e adultas com peso e medidas acima do manequim 44/G.

Tenho observado que a maioria das confecções que abraçam esta ideia fazem peças retangulares, sem forma e caimento nada encorajador. No entanto, com a modelagem correta, podemos criar peças elegantes e na proporção adequada para vestir o tamanho plus size – pessoas acima do peso e medidas.

Um truque para o bom do tamanho plus size caimento é pular uma numeração na ampliação de ombro e criar uma pence camuflada nos decotes. Devemos lembrar que a pessoa ganha peso mas seus ossos não aumentam. Desta forma, as cavas ficam inclinadas à medida que o manequim é alterado para tamanhos maiores do que 46. Peças com ombro largo e cavas caídas é algo que deixa a pessoa sem forma e nada elegante. Se ao modelar tiver os cuidados que descrevi acima, terá sucesso na criação de coleções para a moda tamanho plus size.

 

 

Na figura acima, apenas coloquei o valor alterado no ombro. Nas outras partes do molde usamos a ampliação normal. A pence a ser camuflada no decote segue o mesmo padrão. Desta forma, o decote e o ombro não serão ampliados em demasia, mas respeitando o corpo humano e suas características.

 

 

Fonte: Reprodução

Seguindo estes truques, a criação de modelagens bem talhadas será o resultado final. As alterações mostradas nesta matéria são para o molde base, ou seja, o ponto inicial de qualquer modelo. Utilize as técnicas de modelagem e crie os modelos que desejar. Faça isso com praticidade e segurança criando para o seguimento plus size peças bem estruturadas e de bom caimento.

Outro detalhe a ser administrado são os comprimentos das peças. É comum pensar que blusas gigantes são tudo de bom para quem está acima do peso e usa manequim maior de 46. Ledo engano! Blusas volteando o quadril e acinturadas (nas costas principalmente) sem ajustar, fazem com que a peça ganhe a forma do corpo e até mesmo cria um emagrecimento visual.

Quem está acima do peso deve optar por peças de boa qualidade. Melhor ter poucas peças bem talhadas do que uma grande quantidade sem forma.

A manga é outro detalhe importante. É quase uma norma que peça grande tem que ter manga. Temos visto que isso é um tabu e um mito. Se bem produzida, a peça pode seguir as tendências de moda e criar roupas sem manga, com alças é possível. Enfim, o segredo foi desvendado. Roupa grande deve ter forma e ombro definido é essencial.

 

Leia mais:

Moda Plus Size é mercado (ainda) inexplorado

Moda Plus Size: Como criar uma coleção para mulheres de verdade

Princesas da Disney plus size

 

 

Deixe um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


Você também pode gostar de ler:

produto-de-moda-desenvolvimento-industria-4.0-audaces

21/09/2018

Descubra como a Indústria 4.0 melhora o desenvolvimento do produto de moda

Escrito por Audaces

linha-de-tecidos-compra-lead-times-confecção-audaces

19/09/2018

Entenda como funcionam os lead times de uma confecção na compra de uma linha de tecidos

Escrito por Audaces

moda-do-futuro-industria-4.0-audaces

18/09/2018

Como a Audaces contribui com a Indústria 4.0 e para criar a moda do futuro

Escrito por Audaces