Audaces - Improve your design

Design de moda com foco em resultados para seu negócio

Ícone de Pesquisa

05/11/2014

Museu como meio de pesquisa de referência

Por Julia Picoli
Docente no curso de Moda da Feevale e consultora de produto de Moda

 

 

Um ótimo lugar para buscarmos inspiração e referências são os museus, onde encontramos o passado e o presente juntos. Mas aí você pode pensar, "mas não temos tantos museus de moda e indumentária no Brasil como na Europa". Não, não temos, mas a maioria dos museus hoje tem seus acervos em seus sites. É possível fazer tour guiado e conhecer as obras sem precisar viajar.

Um dos meus preferidos é Victoria & Albert, em Londres, na Inglaterra. Arte, indumentária e moda se fundem em um rico acervo de diferentes épocas, países e culturas. O museu possui um grande acervo têxtil, é impossível não ficar horas olhando as imagens e imaginando as roupas que eram feitas em cada período. Rendas, brocados, bordados, malhas, tecidos orientais, são alguns exemplos do que podemos encontrar no acervo. Além de diversas imagens, ainda conseguimos assistir vídeos que nos mostram o processo de fabricação dos tecidos. Vale muito a pena conferir.

Na imagem abaixo vemos um tecido do século XIV.

 

 

 

 

 

 

Fonte: Victoria & Albert

Nesta imagem um bordado do século XVII.

 

 

Tive a oportunidade de visitar o museu alguma vezes, e a cada ida eu me surpreendi com detalhes e peças que eu não tinha visto na ida anterior. Passei dias inteiros lá dentro, anotando, tirando fotos, desenhando e me abastecendo de cultura e informação. As próximas imagens são do meu acervo particular, tiradas durante algumas visitas. Na próxima imagem podemos perceber dois vestidos do século XVII e XVIII. E no fundo ainda temos os tecidos que eram mais usados nestes período.

 

 

 

 

 

 

Fonte: acervo da autora

Nesta imagem temos um vestido do Romantismo. Todas as peças são expostas com uma iluminação adequada e assim é possível visualizar todos os detalhes das peças. Todo o acervo do museu pode ser fotografado.

 

 

 

 

Fonte: acervo da autora

Poderia colocar diversos exemplos, mas vou deixar vocês curiosos para que vocês mesmo pesquisem e aprendam um pouco mais. É uma excelente experiência. A principal dica é ser curioso, entrar no site de diversos museus e pesquisar ali no próprio site, sem desculpa de não ter como viajar. Hoje temos as informações online e podemos aprender e pesquisar muito através dos sites dos museus. Espero que tenha sido uma dica bacana e não deixem de assistir os vídeos que o site disponibiliza. Arte, indumentária, moda e cultura literalmente com um clique.

Site: http://www.vam.ac.uk/

 

Deixe um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


Você também pode gostar de ler:

custos-invisiveis-moda-audaces

16/10/2020

O que são custos invisíveis e como eliminá-los da confecção de moda

Escrito por Audaces

gerente-de-producion-actividad-profesional

15/10/2020

Gerente de produção: o que esse profissional realiza?

Escrito por Audaces

tabela-de-medidas

13/10/2020

Tabela de medidas feminina: diversidade de corpos e o que diz a ABNT

Escrito por Audaces