Audaces - Improve your design

Design de moda com foco em resultados para seu negócio

Ícone de Pesquisa

27/02/2014

Defeitos de estamparia prejudicam qualidade das estampas

Colorir e decorar as roupas é algo que o homem já faz há muitos anos e, atualmente, esse processo de inserir estampas nas peças está mais moderno, mas apesar da tecnologia, o tratamento ainda exige certos cuidados para evitar os defeitos na impressão. O texto “Defeitos de estamparia" aborda alguns dos defeitos mais comuns nas estampas, bem como suas principais causas, e as possíveis formas de solucioná-los.

Quando o tema é tratamento de superfície pode-se observar que as estamparias possuem alguns parâmetros exclusivos de operações e se destacam por conferirem qualidade às peças. Podemos destacar que a escolha do lado adequado do tecido (dividido em lado direito e avesso), de um desenho que facilite o processo e de uma superfície plana e sem imperfeições para alocar o tecido possibilitam o sucesso do procedimento.

Além desses aspectos, ainda é necessário destacar que o tecido deve ser regular e não conter impurezas, possuir a mesma largura do desenho a ser estampado para evitar manchas e que caso algo dê errado na estamparia não é possível reutilizar o tecido. Enfim, é provável que o defeito ocorra de inúmeras formas na estamparia, causando a perda de matéria-prima, aumento nos custos e prejuízos na produção.

 

 

 

Cuidados com a estamparia evitam desperdício de horas de trabalho e de matéria-prima/ Reprodução

 

Os principais defeitos de estamparia podem ter as seguintes origens: 

– matéria-prima inadequada;
– formulação de pasta;
– equipamentos;
– erro humano.

Abaixo listamos alguns dos principais defeitos de estamparia e algumas dicas para evitar que eles aconteçam:

– Fora de encaixe: o desenho fica desuniforme e o material não pode ser reaproveitado. Pode ser evitado com a verificação do sincronismo do equipamento, ao analisar se o tecido está bem colado, ao fazer um teste antes e checar os trilhos da mesa.
– Entupimento: acontece quando há obstrução de parte da arte devido à impurezas do têxtil que se acumulam no quadro ou cilindro. Pode evitá-lo filtrando as pastas.
– Estampa cortada: quando aplicada sobre tecido enrugado, a “impressão” fica com falhas. Procure conferir se o tecido está bem colado e liso a fim de evitar rugas.
– Arrastado: quando há, durante a estampagem, uma movimentação do quadro fazendo surgir uma “sombra” no desenho. A checagem da fixação adequada do quadro na máquina evita esses defeitos de estamparia.

Conheça outros defeitos comuns de estamparia no documento “Defeitos de estamparia".

Leia também…

– Estampas podem criar vínculos emocionais com o consumidor
Estamparia digital: a essência criativa da estilista Mary Katrantzou
– Especialista fala sobre criação e mercado de estampas

 

Deixe um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


Você também pode gostar de ler:

custos-invisiveis-moda-audaces

16/10/2020

O que são custos invisíveis e como eliminá-los da confecção de moda

Escrito por Audaces

gerente-de-producion-actividad-profesional

15/10/2020

Gerente de produção: o que esse profissional realiza?

Escrito por Audaces

tabela-de-medidas

13/10/2020

Tabela de medidas feminina: diversidade de corpos e o que diz a ABNT

Escrito por Audaces