Tecidos Especiais: classificação e construções

Este último post da série “Estruturas Têxteis” (ao final do texto, constam os demais posts da série) apresenta a classificação têxtil dos tecidos Especiais e suas construções, que se dividem em:

– Laminados;
– Malimo;
– Filmes.

Os Tecidos Especiais recebem essa denominação porque são obtidos em processos que resultam em uma estrutura mista entre outros tecidos, uma mescla entre tecidos planosmalha, tecidos não tecidos; como também são resultantes de soluções de polímeros de fibras aplicadas aos tecidos.

Os Tecidos Especiais Laminados são artigos obtidos através da colagem de dois tipos de tecidos, diferentes entre si. Também são conseguidos pela aplicação de impermeabilizantes químicos a um tecido qualquer num processo que unem dois têxteis com substância adesiva.

A combinação entre os tecidos se faz através de uma malha ou tecido de estrutura pouco compacta, com um forro leve. Se uma das camadas for constituída por material vinilico ou espuma, o produto tomará o nome de laminado.

Tecidos Especiais Malimo são produtos obtidos por meio da sobreposição de camadas de urdume e camadas de trama, sem entrelaçamento. porém, a amarração é feita por uma camada de pontos de malha.
 

Fonte: O Grande Livro da Costura

Por ser um tecido único e diferenciado em sua formação, receberam o nome de Malimo por motivos da máquina que o produz possuir o mesmo nome.

Os fios de trama são dispostos sobre os fios de urdume e seguidamente ligados em ponto cadeia por um terceiro fio. O processo pode variar resultando num produto básico, como também em tecidos de várias aplicações para casacos, cortinas e estofados.

Tecidos Especiais Filmes são artigos que não possuem estruturas têxteis, aproximam-se da estrutura de papéis. São produzidos à partir de soluções de fibras têxteis frequentemente provenientes do nylon e podem aparecer isolados ou laminados com outro tecido.
É fundamental discutir e entender superficialmente as estruturas têxteis e suas classificações nos posts apresentados sobre os tecidos, uma vez que após esse conhecimento básico fica mais fácil observar e definir cada material.

O comportamento físico como flexibilidade, maleabilidade, entre outros fatores, são importantes quando esses mesmos quesitos e propriedades têxteis serão inseridos de forma virtual no software Audaces 3D, tema que veremos mais a frente nos próximos posts.

 

 

 

 

 

Fonte: O Grande Livro da Costura

 

Por Roberto Rubbo
Professor e Consultor de Moda e Vestuário

Outros posts da série:
– Estruturas têxteis são formadas pelo entrelaçamento dos fios
Livros sobre tecidos: estrutura, formação e história
Malhas por urdume: características e estrutura têxtil 
Tecidos de malha por trama: características e estrutura 
– Propriedades tecidos são importadas para o Audaces 3D
 

 

Deixe um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *