Mercado da moda oferece variedade de planos de carreiras

Por Ana Luiza Olivete
Designer de Moda, Professora e Consultora Empresarial

Quais são as carreiras disponíveis na moda? Que funções são exercidas pelos profissionais que atuam no segmento? Antes de chegar a alguma resposta é preciso entender que poucos ramos profissionais oferecem tanta variedade de planos de carreira quanto as indústrias têxteis e de moda.

Um estudo da FGV (Fundação Getúlio Vargas) analisou a indústria têxtil, a indústria de confecção e o varejo e encontrou um dado que mostra que o nível de emprego formal nos três elos analisados superou em 2012 a marca de 1,7 milhão de postos de trabalho, resultando em 3,7% do total de empregos formais ativos no Brasil.

Destacando apenas o varejo têxtil, os 693 mil empregos ativos em 2012 representavam 10,6% do total de posições formais ofertadas pelo comércio varejista como um todo no país. Este dado não inclui a rede de lojistas informais e sacoleiros. Mas é referente ao número de postos de trabalho formais e indica que a especialização no setor é cada vez maior.

Para atuar no mercado da moda não é obrigatório fazer curso. Porém, as empresas do setor de moda necessitam de profissionais cada vez mais capacitados, com preparação e bagagem técnica. A moda paga bem, entretanto exige formação.

O título de doutor, por exemplo, anteriormente restrito a carreiras mais tradicionais, aos poucos, começa a chegar à indústria da moda. Os novos profissionais representam uma resposta a exigência atual dessa indústria complexa, pois a sociedade muda, cria novas exigências e obriga os profissionais a buscar conhecimentos sólidos.

É preciso entender também, que o aprimoramento e a especialização da mão de obra vai criar artifícios para que a indústria brasileira entre em sintonia com os padrões técnicos internacionais, afim de ganhar o mercado da moda e competitividade em relação aos concorrentes.

As oportunidades são muitas e aqui estão relacionadas algumas das principais oportunidades que o mercado da moda oferece, seja na indústria ou no varejo. Pra quem escolheu seguir carreira na área e ainda não conhece a sua amplitude, vale conferir a série sobre profissões da moda! No próximo post iremos abordar as funções exercidas na indústria têxtil e de confecção.

Acompanhe o próximo texto no final desta semana.

Leia também…
– Consumismo no mercado da moda
 Por que faltam costureiras no mercado da moda?

 

Deixe um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *