Produção têxtil: características e propriedades dos tecidos

Os tecidos possuem características e propriedades diferenciadas, que determinam sua qualidade e permitem avaliar a sua adequação à produção têxtil de cada empresa. Reguladas por normas da Associação Brasileira de Normas Técnicas – ABNT – características como gramatura, peso linear, densidade, espessura, ligamento, alongamento, elasticidade, entre outros, foram descritas na cartilha de conservação de tecidos divulgada pela TexBrasil.
 

Normas avaliam adequação do tecido à produção têxtil/ Reprodução


Confira, abaixo, uma seleção das principais características e propriedades dos tecidos - que afetam questões como corte, modelagem e encaixe dos moldes, costura, entre outras atividades determinantes para a produção têxtil:

 

 

  • Gramatura: relação de massa por unidade de área. É expressa em gramas por metro quadrado (ABNT NBR 10591 - Materiais têxteis - Determinação da gramatura de superfícies têxteis). A tolerância, segundo a norma, é de ±5%
  • Gramatura em onças (oz): relação de massa em unidade de massa em onças e a área expressa em jardas quadradas. Para obtê-la, deve-se dividir por 33,953 a gramatura em gramas por metro quadrado (ABNT NBR 10591 - Materiais têxteis - determinação/gramatura de superfícies têxteis). Oz/yd² = g/m² ÷ 33,905
  • Peso Linear: é uma ótima medida para calcular o comprimento de um tecido num rolo sem a necessidade de desenrolar o material (ABNT NBR 10591- Materiais têxteis - Determinação da gramatura de superfícies têxteis). Peso linear = g/m² x largura do tecido.
  • Ligamento: forma de entrelaçamento dos fios de urdume e trama. Os básicos são: tela, sarja e cetim. Em tecidos especiais combinam-se vários ligamentos para obter-se efeitos diferenciados. A escolha do tipo de ligamento é muito importante para orientar a forma de costurar a peça (ABNT NBR 12546 - Materiais têxteis - Ligamentos fundamentais de tecidos planos).
  • Densidade de fios no tecido: indica quantos fios foram alinhados por centímetro no tecido para a sua formação. Apresenta-se em fios/cm no urdume e batidas/cm para a trama. Um número menor de fios proporciona tecidos mais abertos e por isso podem oferecer mais frescor, porém deve-se equilibrar com a possibilidade de esgarçamento na costura (ABNT NBR 10588 - Tecidos Planos - Determinação da densidade de fios).
  • Espessura: indica o quanto mais fino ou mais grosso é o tecido. É uma medida muito importante para determinar a altura do calcador na máquina de costura, permitindo uma boa costura (ABNT NBR 13371 - Materiais têxteis - Determinação da espessura).
  • Largura: característica importantíssima na definição do encaixe de moldes. A largura é determinada após um período de relaxamento do tecido. Segundo a Portaria CONMETRO nº 1 de 1998 a tolerância é de 2% (ABNT NBR 10589 - Materiais têxteis - Determinação da largura de nãotecidos e tecidos planos).
  • Comprimento: metragem do tecido que deve ser determinada após o seu relaxamento, segundo a Portaria CONMETRO nº 1 de 1998 a tolerância é de 2% (ABNT NBR 12005 - Materiais têxteis - Determinação do comprimento de tecidos).
  • Resistência à tração: expressa a força que o tecido suporta até romper-se. É um ensaio realizado no dinamômetro e é muito indicativo da durabilidade do tecido (ABNT NBR 11912 - Materiais têxteis - Determinação da resistência à tração e alongamento de tecidos - tira).
  • Alongamento: indica o quanto o tecido aumenta sua dimensão até o rompimento no dinamômetro. Também é importante para a costura pois permite a acomodação de espumas e molas, bem como define o comprimento de cortinas (ABNT NBR 11912 - Materiais têxteis - Determinação da resistência à tração e alongamento de tecidos planos - tira).
  • Elasticidade: capacidade do tecido de alterar suas dimensões mediante uma força e retornar ao tamanho original (ABNT NBR 12960 - Tecido de malha - Determinação da elasticidade e alongamento).
  • Esgarçamento em costura: ensaio que indica se o tecido tem propensão a abrir-se na costura mediante uma força. É bastante importante porque pode definir se há necessidade de utilizar uma costura mais densa ou um tipo diferente de costura. O limite de esgarçamento na costura é de 6mm, podendo variar por acordo entre partes (ABNT NBR 9925 - Tecido plano - determinação do esgarçamento em uma costura padrão).


Fonte: Cartilha de Costurabilidade, Uso e Conservação de tecidos/TexBrasil Decor

 

 

COMENTÁRIOS

Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

vera franco

Obrigada vocês me esclareceu algumas coisas que eu ainda não sabia ,mas tenho curiosidade em saber sobre os novos tecidos tecnológicos para fazer moda praia se vocês me atender desde já lhe agradeço .